quarta-feira, 24 de maio de 2017

Alambre Ice

ALAMBRE ICE ESPUMANTE LICOROSO | VINHO DE MESA | 8,5% | PVP  28€
MOSCATEL ROXO DE SETÚBAL
JOSÉ MARIA DA FONSECA VINHOS, SA
16,5

Por vezes é necessário ir mais além, fugir dos lugares comuns, ser motor de diferença e arriscar, fazer algo que possa ser motivo de grandes paixões e de grandes ódios. Mas fazer!
Domingos Soares Franco, assim posso dizer, voltou a surpreender e a mostrar o seu lado mais enfant terrible.
A partir de uma prova a um espumante de Ice Wine canadiano, produzido a partir de uvas congeladas, nasceu a ideia de fazer algo com perfil semelhante, mas na região da Península de Setúbal.
Este Alambre Ice é o resultado de uma segunda fermentação de um vinho base de Moscatel Roxo de 2005que foi previamente desalcoolizado.
De cor âmbar novo, com laivos dourados e de aspecto limpo não apresenta a libertação de bolha que seria esperada num espumante devido à sua viscosidade elevada. Revela aromas mais delicados, florais, melaço, algum fruto seco, avelãs em particular mais notadas, tangerina, laranja cristalizada e leve caramelo.
Na boca frutada e doce, sente-se um ligeiro borbulhar, fino, muito fino, pastilha de laranja, com untuosidade e volume e ao mesmo tempo leve, muito leve e fresco.
Realmente não se está à espera. Servir muito fresco.
Neste caso acompanhou uma sobremesa, mas também será indicado como aperitivo.

terça-feira, 23 de maio de 2017

Pacheca 2016 Rosé

PACHECA 2016 ROSÉ | DOURO | 12,5% | PVP  6€
TOURIGA NACIONAL, TINTA RORIZ
QUINTA DA PACHECA SOC AGRÍCOLA E TURÍSTICA, LDA
15

Vem de cara lavada o rosé da última colheita do produtor duriense. Aposta numa imagem mais arejada e limpa na rotulagem, mas também na cor do próprio rosé, mais elegante e de cor rosada muito leve.
Cor rosada muito clara, quase sem cor, límpido e brilhante. Nariz elegante, perfumado, fruta vermelha fresca, framboesa, morango, fresco. Boca com boa acidez, leveza, fruta fresca, final de boca médio e grande frescura.
À mesa apostar também na leveza e frescura dos ingredientes. Saladas, Sushi e peixe branco grelhado serão óptimas opções.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

6º Concurso de Vinhos do Douro Superior | E Os Vencedores Foram.....

O Festival de Vinhos do Douro Superior, que este fim-de-semana teve lugar em Vila Nova de Foz Côa, celebrou o seu sexto aniversário em festa e distinguiu também os melhores vinhos levados a prova no 6º Concurso de Vinhos do Douro Superior.

Este ano estiveram à prova um total de 153 referências vínicas divididas entre 52 brancos, 89 tintos e 12 vinhos do Porto, e tendo sido criteriosamente avaliadas, “às cegas”, por 28 jurados, de entre um painel composto por críticos, jornalistas, bloggers, escanções e representantes do comércio. 
Mais uma vez um concurso onde cada júri é posto à prova com vinhos de elevada qualidade e onde cada passo da prova é de extrema importância na aferição mais justa de cada um. 

A somar aos três galardões respeitantes aos “melhores”, foram também atribuídas mais 16 medalhas de ouro (4 para tintos, 10 para brancos e 2 para vinho do Porto) e 32 medalhas de ouro (10 para brancos, 19 para tintos e 3 para vinho do Porto). No total saíram vencedores 51 vinhos e, à semelhança da edição de 2016, não foram outorgadas medalhas de bronze o que é revelador da qualidade dos vinhos apresentados.

MELHOR BRANCO
Quinta da Pedra Escrita 2015 Branco | Rui Roboredo Madeira Vinhos

MELHOR TINTO
Quinta da Touriga Chã 2014 Tinto | Jorge Rosas Vinhos

MELHOR PORTO
Cockburn´s Quinta dos Canais Porto Vintage 2007 | Symington Family Estates 

MEDALHAS DE OURO E PRATA
VINHO BRANCO
OURO
Castello d’Alba Vinhas Velhas 2015 | Rui Roboredo Madeira Vinhos
Couquinho Superior 2016 | Quinta do Couquinho Soc. Agrícola 
Quinta da Bulfata Reserva 2014 | Quinta da Bulfata 
Sequeira Grande Reserva 2014 | Quinta da Sequeira

PRATA
CARM C.M. 2015 | CARM - Casa Agrícola Roboredo Madeira
Crasto Superior 2015 | Quinta do Crasto
Colinas do Douro Reserva 2015 | Colinas do Douro
Duas Quintas Reserva 2015 | Adriano Ramos Pinto Vinhos
Gambozinos 2016 | Cabanas do Castanheiro
Golpe Reserva 2016 | Manuel Carvalho Martins
Muxagat 2014 | Muxagat Vinhos
Palato do Côa Reserva 2015 | 5 Bagos
Quinta dos Castelares Reserva 2015 | Casa Agrícola Manuel Joaquim Caldeira
Quinta da Sequeira Reserva 2015 |  Quinta da Sequeira

VINHO TINTO
OURO
Adão António Aguiar Grande Reserva 2015 | Adão & Filhos
Crasto Superior Syrah 2014 | Quinta do Crasto
Duas Quintas Reserva 2014 | Adriano Ramos Pinto Vinhos
 Duorum Vinhas Velhas Reserva 2015 | Duorum Vinhos
 Maritávora Nº 2 Grande Reserva 2013 |  Maritávora
 Moinhos do Côa Reserva 2014 | Artur Adriano Proença Rodrigues
Quinta da Leda 2014 | Sogrape Vinhos
Quinta da Sequeira Reserva 2014 | Quinta da Sequeira
 Quinta do Vesúvio 2012 | Symington Family Estates
Terras do Grifo Grande Reserva 2014 | Rozès

PRATA
Cadão Reserva 2013 | Mateus e Sequeira
Casa da Palmeira Reserva 2012 | Manuel Joaquim Pinto
Castello d´Alba Limited Edition 2013 | Rui Roboredo Madeira Vinhos
Crasto Superior 2014 | Quinta do Crasto
Dona Berta Reserva 2013 | H F. Verdelho
Duvalley Reserva 2013 | Quinta Picos do Couto
Holminhos 2012 | Quinta Holminhos
 In Culto Reserva 2014 | Zero Defeitos
Mapa Reserva Especial 2014 | Mapa
Pai Horácio Grande Reserva 2013 | Vinilourenço
Palato do Côa Reserva 2013 | 5 Bagos
Quinta Azinhate Reserva 2013 | H. Abrantes - Wines
Quinta Dona Doroteia Reserva 2014 | Sebastião Augusto Oliveira
Quinta da Terrincha Lote T14 2014 | Quinta da Terrincha
Quinta do Couquinho 2014 | Quinta do Couquinho Soc. Agrícola
Quinta dos Quatro Ventos 2014 | Aliança Vinhos de Portugal
Quinta dos Romanos Reserva 2014 | Maria Lucinda Todo Bom
Damião Cardoso Remisi’Us Reserva 2014 | Carrelo & Covas Consultores
Vale do Malhô Reserva 2014 | Sebastião Augusto Oliveira

VINHO DO PORTO
OURO
 Amável Costa Tawny 40 Anos | Agostinho Amável Costa
Quinta de Ervamoira Tawny 10 anos | Adriano Ramos Pinto Vinhos

PRATA
Amável Costa Tawny 10 Anos Agostinho | Amável Costa
Duorum Vintage 2011 | Duorum Vinhos
Quinta do Vesúvio Vintage 2001 | Symington Family Estates

quarta-feira, 17 de maio de 2017

O Douro TGV, O Vinho e O Digital

O Douro TGV fez paragem, ao terceiro dia, no Vinho. A manhã deste dia começou com duas acções distintas. O painel de jurados para o primeiro Concurso de Vinhos Douro TGV by Regia Douro Park reunia e colocava à prova cega uma série de vinhos tintos e brancos para eleição dos três melhores em cada categoria. É costume ouvir que a primeira vez é sempre a mais difícil e esta foi como todas as outras. Alguns pormenores a corrigir no futuro, mas os alicerces estão bem fundeados e prontos para o próximo ano.
Ao mesmo tempo, começava ao lado uma viagem enológica por diferentes regiões vitivinícolas suportada pela presença e testemunho do espanhol Rául Perez, do português João Tavares da Silva e do luso-australiano David Baverstock. Figuras de luxo numa apresentação e diálogo moderado por Tim Hogg. Não pude assistir devido a estar a participar como júri no concurso, mas o feedback que recebi à posteriori fez-me ficar com a sensação de uma manhã rica e recompensadora para quem pôde estar presente.
A tarde foi preenchida com uma animada e participada Mostra de Vinhos e Sabores e com a apresentação dos vencedores do 1º Concurso de Vinhos Douro TGV by Regia Douro Park. O desfile habitual nestes certames, onde entre os anúncios e as palmas, se vão distribuindo felicitações e abraços pelo bom trabalho desenvolvido.
Todavia, o que realmente me pareceu diferente e diferenciador, foi a aposta, num horário logo a seguir ao almoço, de um programa todo ele dedicado ao Vinho e ao Digital, no qual também tive oportunidade de apresentar o Blog Comer, Beber e Lazer. Na Escrita e Crítica Digital estiveram presentes o Comer, Beber e Lazer, o blog Flavours & Senses e a revista digital Mutante Magazine. Diferentes aproximações do tema com muito valor.
Nas Ferramentas Digitais ao Serviço do Vinho, o André Ribeirinho apresentou o seu Adegga e o João Miguel Simões o Adressbook tendo como base o Instagram como potencial de informação.
Fechou-se este ciclo, e muito bem, com a apresentação dos Vinhos - Filhos do Digital, ou seja, como o próprio nome indica, vinhos que nasceram da existência no digital de dois Blogs. O Vinho do Blog Bebes.Comes e do Blog Bons Rapazes.
Recordo-me de constatar, com satisfação, que nem o mau tempo afastou os participantes. Vinhos e sabores a conhecer com entrada gratuita. Um luxo.

Foto de Pedro Moreira. Todos os direitos reservados.

terça-feira, 16 de maio de 2017

6º Festival do Vinho do Douro Superior | 19 a 21 Maio 2017

No próximo fim-de-semana Vila Nova de Foz Côa volta a ser palco para mais uma edição do Festival do Vinho do Douro Superior. Este será o 6º Festival do Vinho do Douro Superior (FVDS) e é com muito prazer que tenho vindo a acompanhar a sua evolução desde o primeiro ano.
Este é um evento anual que prezo bastante, não só por representar uma região de onde são as minhas raízes familiares, mas também por dar a conhecer ou (re)lembrar produtores com vinhos de elevada qualidade, muitos deles pequenos produtores e pouco conhecidos do consumidor.
Este ano promete ser ainda melhor que nos anos anteriores e por isso não precisarei de dizer que cá estarão 69 produtores de vinho, 9 produtores e representantes de produtos locais, as belas das tasquinhas e até terminar a noite com actuação de Tony Carreira.
Carrazeda de Ansiães, Figueira de Castelo Rodrigo, Freixo de Espada à Cinta, Mêda, São João da Pesqueira, Torre de Moncorvo e Vila Flor são os sete concelhos circundantes de Foz Côa que vão, de alguma forma, estar representados no FVDS.
Três dias de entrada livre completamente dedicados ao melhor da sub-região mais a montante do Douro.
Ver mais informação e programa aqui.

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Provas: O Vinho Para a Garrafeira Caseira

Saber com que vinho fazer nascer uma garrafeira lá em casa é sem dúvida uma das questões com que qualquer enófilo se preocupa. Se apenas compra brancos ou tintos, se compra jovens ou se com mais idade, o que vale a pena guardar ou o que é para beber num curto espaço de tempo. Mais uma vez, algumas dicas que deixo no site Enólogo Chef Continente que podem ajudar em algumas dúvidas.
"(...)Quantas vezes acontece ir comprar uma garrafa de vinho à pressa devido a uma visita inesperada ou a uma jantarada combinada à última da hora? Olhar para a despensa ou para a garrafeira e perceber que está vazia ou que nenhum dos vinhos na mesma se adequa à ocasião. Na urgência do momento, a escolha pode não ser a mais acertada quer a nível de qualidade, como a nível de diversidade e, mais importante, preço.(...)" continuar a ler aqui.

sábado, 13 de maio de 2017

1º Concurso de Vinhos Douro TGV by Regia-Douro Park 2017 | Premiados

O 1º Concurso de Vinhos Douro TGV by Regia-Douro Park teve ontem lugar em Vila Real contando com mais de 60 vinhos em prova, brancos e tintos, Douro e Trás-Os-Montes.
O nível dos vinhos a concurso revelaram um padrão de qualidade elevado resultando numa aguerrida disputa no topo das pontuações com os primeiros lugares a serem decididos por muito pouca diferença entre eles.
Ao Regia-Douro Park e à UTAD (Universidade de Trás-Os-Montes e Alto Douro) os meus parabéns pela iniciativa, pelo excelente trabalho e a continuar no futuro. 

Os premiados nos Tintos foram Montes MONTES PINTADOS (DOURO), TERRAS DO GRIFO GRANDE RESERVA 2014  (DOURO) e APAIXONADO RESERVA 2014 (DOURO).

Quanto ao Brancos, os três melhores foram PIANO (DOURO), MAFARRICO 2015 (DOURO) e ENCOSTAS DO RABAÇAL CÓDEGA DO LARINHO 2016 (TRÁS-OS.MONTES).

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails